quarta-feira, 23 de setembro de 2015

Câmara lança prêmio pela inclusão de pessoas com deficiência

A Câmara dos Deputados lança hoje, às 10 horas, o "Prêmio Brasil Mais Inclusão", que tem por objetivo homenagear quem trabalha na promoção da inclusão da pessoa com deficiência. O prêmio foi criado por iniciativa da Segunda-Secretaria da Casa, coordenada pelo deputado Felipe Bornier (PSD-RJ).
O lançamento ocorrerá às 10 horas, no Hall da Taquigrafia, e contará com a presença do presidente da Câmara, Eduardo Cunha, de membros da Mesa Diretora e de parlamentares ligados à defesa da acessibilidade.
Prêmio
O prêmio é destinado a empresas públicas ou privadas, entes federados (União, Estados e Municípios), entidades e personalidades que desenvolvam trabalhos ou ações em prol da inclusão de pessoas com deficiência.
Os critérios para concessão do prêmio baseiam-se nos valores da igualdade de tratamento e oportunidade, da justiça social, do respeito à dignidade da pessoa, do bem estar e de outros presentes na Constituição Federal e na legislação que preserva os direitos da pessoa com deficiência.
A análise dos trabalhos indicados e a concessão do "Prêmio Brasil Mais Inclusão" serão realizadas por um Conselho Deliberativo, composto por membros da Mesa Diretora (segundo e terceiro secretários) e da Comissão de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência, além de um representante de cada partido com assento na Câmara.
A premiação será concedida anualmente, na semana em que se comemora o Dia Nacional da Luta da Pessoa com Deficiência (21 de setembro). Os dez vencedores serão contemplados com diplomas de menção honrosa.
As inscrições serão abertas hoje e podem ser feitas até 23 de outubro pelo site www.camara.leg.br/brasilmaisinclusao. Parlamentares também poderão fazer indicações.
A cerimônia de premiação ocorrerá no dia 3 de dezembro. Os nomes dos contemplados serão divulgados pelo site em 13 de novembro.
Atuação da Câmara
Neste ano, a Câmara aprovou a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (13.146/15). Também foram criadas a Comissão Permanente sobre Direitos das Pessoas com Deficiência e a Coordenação de Acessibilidade.
Da Redação - MB

Nenhum comentário:

Postar um comentário