sábado, 26 de setembro de 2015

PF combate organização especializada em tráfico de drogas na BA

Porto Seguro/BA – A Polícia Federal, com o apoio da CIPA Mata Atlântica, deflagrou na manhã de hoje (24/9) a Operação Corsário, que visa desarticular uma organização criminosa especializada no tráfico de entorpecentes, sediada no extremo sul da Bahia.
Estão sendo cumpridos 22 mandados de prisão preventiva e 4 mandados de busca e apreensão, nas cidades de Porto Seguro/BA e Eunápolis/BA.
Durante as investigações foram apreendidas cerca de 21 pistolas, dois fuzis de assalto, uma submetralhadora, cerca de 1000 munições de diversos calibres, aproximadamente 32 kg de cocaína em pasta base, além de cerca de R$ 20 mil em espécie.
O arsenal pertencente à organização criminosa foi apreendido em incursão realizada pela Polícia Federal e pela CIPA Mata Atlântica no dia 18/08/2015, em uma propriedade pertencente a um cidadão português, localizada em uma ilha nas margens do Rio Buranhém.
Em 4/8/2015, a CIPA Mata Atlântica localizou e desmontou um laboratório de refino de cocaína, em uma residência situada no bairro Campinho, operado pela organização criminosa. Na oportunidade, cerca de 20kg de cocaína foram apreendidos, tendo sido três homens presos em flagrante delito.
As investigações apontam ainda a participação de pelos menos dois investigados na operação, em um confronto com policiais federais no dia 30/3/2015, quando estes chegaram a disparar contra os policiais com fuzis de assalto, os quais, segundo apurado, seriam utilizados em roubos a estabelecimentos bancários na região.
Os membros da Organização são investigados pela prática dos delitos descritos nos artigos 33 (tráfico de entorpecentes), 35 (associação para o tráfico), 40 (tráfico interestadual) da Lei 11.343/2006, e pelos artigos 16 (posse ou porte ilegal de arma de fogo de uso restrito) da Lei 10826/2003(Estatuto do Desarmamento).
Os presos na operação ficarão custodiados no presídio de Eunápolis, onde permanecerão a disposição do Juízo da Vara Crime de Porto Seguro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário