sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Ponte Hercílio Luz terá iluminação cor de rosa na segunda quinzena de
outubro
Florianópolis,

Como uma forma de conscientização do Outubro Rosa, movimento mundial de
mobilização pela prevenção do câncer de mama, a Ponte Hercílio Luz terá
iluminação cor de rosa na segunda quinzena de outubro. A informação foi
dada pelo governador Raimundo Colombo, durante reunião com integrantes da
Associação Brasileira e Portadores de Câncer, nesta sexta-feira (30), em
Florianópolis. Além dessa ação, o Governo do Estado lançará campanhas
publicitárias de prevenção e um mutirão de exames, além de dar apoio aos
hospitais na compra de equipamentos para detectar a doença.



“Queremos conscientizar cada vez mais pessoas sobre os alarmantes números
da doença. Para isso, vamos fazer diversas ações e apoiar as programações
deste mês relativas ao Outubro Rosa. O engajamento é fundamental. Somente
unidos vamos vencer o câncer de mama”, afirmou Colombo.



De acordo com a madrinha da mobilização do Outubro Rosa, Ana Paula da
Silva Bornhausen, para este ano estão previstos 1.570 novos casos de
câncer de mama para Santa Catarina e 130 para Florianópolis. “É essencial
o diagnóstico precoce e a importância da mamografia sejam amplamente
divulgados. A grande vilã nessa luta é a falta de conhecimento. Temos que
alertar e conscientizar”, explicou, lembrando que nem todo câncer de mama
é igual e até mesmo para os mais agressivos existe tratamento.



Segundo dados da Estimativa 2010 do Instituto Nacional do Câncer (Inca), o
número de casos novos de câncer de mama esperados para este ano no Brasil
é de 49.240, com um risco estimado de 49 casos a cada 100 mil mulheres. O
câncer de mama é uma doença que já provocou cerca de sete milhões de morte
no mundo, sendo cerca de 10 mil por ano apenas no Brasil. Em virtude disso
o mês de outubro é designado mundialmente para lutar contra essa terrível
doença.



A ação de iluminar de rosa monumentos, prédios públicos, pontes, teatros
foi criada como uma forma prática para que o Outubro Rosa tenha uma
expansão cada vez mais abrangente para a população. “Iluminar monumentos é
uma forma bonita e feminina, motivando, lembrando e unindo as pessoas em
torno de uma causa nobre: a prevenção e a conscientização na luta contra o
câncer de mama”, afirmou o governador.



Informações sobre as programações do Outubro Rosa no site:
www.amucc.com.br.
BNDES deve liberar financiamento de R$ 470 milhões para o Governo do Estado
Florianópolis,

O programa do Governo do Estado, “Caminhos do Desenvolvimento”, acaba de
passar pela primeira etapa para se beneficiar com um financiamento do
Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), no valor de
R$ 470 milhões, conforme informou o secretário de Administração, Milton
Martini, nesta sexta-feira (16). Segundo Martini, o pedido do investimento
foi feito ao Comitê de Enquadramento e Crédito em julho e será direcionado
para a ampliação e modernização de rodovias e da infraestrutura de
comunicações, elaboração de projeto de transporte urbano em Florianópolis
e melhoria no sistema penitenciário. A próxima etapa será o encaminhamento
do pleito para análise de viabilidade.



Como um de seus objetivos, o programa pretende tornar Santa Catarina o
primeiro estado a implantar uma rede de fibra óptica a 153 municípios de
baixo Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), beneficiando mais de 3
milhões de catarinenses. Outro plano é a revitalização de 1,2 mil
quilômetros de estradas no Estado, em pontos considerados críticos,
mudando a imagem de violência que Santa Catarina.



Para a área da Segurança Pública, o programa “Caminhos do Desenvolvimento”
pretende criar 1.732 novas vagas em presídios. A penitenciária regional de
Itajaí será ampliada, assim como outras sete unidades prisionais do
Estado, e dois presídios femininos e dois hospitais de custódia e
tratamento psiquiátrico serão construídos.



Além do financiamento do BNDES, o programa contará com mais R$ 60 milhões
em recursos, complementados pelo Governo do Estado de Santa Catarina. A
previsão do Governo do Estado é que a resposta final demorará até 10 meses
para ser dada.

Agentes de Endemias fazem visitas aos sábados


Na luta pela prevenção da dengue, agentes começam neste sábado, a realizar visitas de rotina nos imóveis que ficam fechadas durante a semana

A coordenadoria de Endemias da Secretaria Municipal de Saúde estará a partir de amanhã (1º), fazendo visitas de rotina nas residências também aos sábados. O horário de expediente neste primeiro sábado será das 7h30 às 17h, mas a partir do sábado (8), passa a ser das 8h às 14h.

Segundo o coordenador de Endemias, Elson Belisário, é importante que a população fique informada sobre as visitas aos sábados. “É importante que a população saiba das visitas, para permitir a entrada dos agentes. Só lembrando, que os agentes são os mesmos que sempre passam pela região, e estarão uniformizados como de costume”, frisou.

Belisário contou que 85 agentes estarão amanhã realizando o serviço de recuperação de pendências em todas as regiões. “Vamos visitar justamente as residências que ficam fechadas durante a semana. O trabalho aos sábados vai aumentar em 20% o percentual de visitas”, explicou o coordenador.

Ele também ressaltou que este serviço será possível graças a um recurso da Secretaria de Estado da Saúde (SESA), que ficou responsável pela remuneração dos agentes. “É importante também que as pessoas fiquem atentas à uniformização dos agentes. Qualquer dúvida, a pessoa deve ligar para 0800-4001893, e pedir informações sobre o agente que se apresentar”, alertou Belisário.

Londrina cumpriu aproximadamente metade das visitas preconizadas pelo Ministério da Saúde, e a coordenadoria espera alcançar um percentual mais alto nestes últimos meses as visitas realizadas aos sábados.

A coordenadoria também tem executado outras ações de conscientização e prevenção da dengue. “Também estamos fazendo o trabalho de conscientização das escolas, que vai ajudar na prevenção. Nesta semana foram 92 escolas municipais, que formarão três mil professores, que passarão esta informação para aproximadamente mais 40 mil alunos”, contou Belisário.

Nos próximos dias, a coordenadoria também deve agendar capacitação para as escolas particulares e centros de educação infantil. “Continuamos o trabalho também nas empresas, junto às CIPA’s”, concluiu Belisário.

9° Festival de Dança começa amanhã


Festival reúne importantes nomes da cena contemporânea; o lançamento conta com “Flash Mob” e apresentação da Quasar Cia de Dança

Diversidade e qualidade são conceitos que nortearam a seleção dos espetáculos que integram a Programação Artística do 9º Festival de Dança de Londrina. O Festival que começa amanhã (1°) leva ao palco do Teatro Ouro Verde, até o dia 6 deste mês, três das companhias de maior reconhecimento na dança contemporânea nacional: Quasar (GO), Mimulus (MG) e Ballet de Londrina.

O lançamento do Festival 2011 acontece de maneira inédita. Em algum lugar da cidade e em algum momento, ao longo do primeiro dia do evento, 300 pessoas comuns, de todas as faixas etárias, interromperá suas atividades para dançar.

Trata-se do “Flash Mob”, uma intervenção artística surpresa, em que um grupo de pessoas aglomera-se para uma apresentação surpresa e se dispersa rapidamente na sequência. O “Flash Mob” é uma iniciativa do Centro Social Marista Ir. Acácio (Londrina) em parceria com projetos sociais e artísticos da cidade. A intervenção anuncia, de forma inusitada e irreverente, os seis dias dedicados à arte do movimento.

No mesmo dia (1º), às 20 horas, o Festival abre a programação em grande estilo, com o elogiado espetáculo “Tão Próximo”, da Quasar Cia de Dança. O grupo de Goiânia é reconhecido pelas montagens de caráter poético e pela linguagem corporal. Para a apresentação, o palco do Teatro Ouro Verde será recoberto por uma enorme pelúcia branca, sobre a qual, os dançarinos desenharão seus movimentos - da sutileza do afago à agressividade do embate.

De acordo com os coordenadores do evento, o Ballet de Londrina completa a tríade de companhias de destaque no cenário contemporâneo brasileiro, por apresentarem linguagens consolidadas. “A Sagração da Primavera”, a mais nova criação do grupo londrinense, fecha o Festival de Dança no dia 6, quinta-feira.

O Festival de Dança de Londrina tem patrocínio do Governo Federal, Caixa Econômica Federal e da Prefeitura de Londrina, através do Programa Municipal de Incentivo à Cultura (Promic).

Ingressos:

Os 100 primeiros ingressos vendidos para cada espetáculo levarão uma cortesia. A promoção é válida tanto para inteira (R$ 10) quanto para meia-entrada (R$ 5). Os ingressos já estão à disposição do público para venda antecipada nos seguintes locais:

- Escola Municipal de Dança (rua Souza Naves, 2380 – 3342-2362),

- Loja Shop Ballet (Rua Pio XII, 64 loja 3 - 3323-4717)

- Loja Capézio (Rua Paranaguá 921 loja, 3 - 3324-6905).

CMTU divulga atividades para esta sexta


Companhia continua a pintura viária da avenida Robert Koch e retira entulhos da rua Serra Verde, na região oeste

A equipe responsável pela manutenção dos terrenos públicos da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU) realiza hoje (30) a capina e roçagem de três locais na cidade. Caminhões caçamba estarão fazendo a retirada de entulhos da rua Serra Verde, no jardim Bandeirantes.

Recebem o serviço de capina a avenida Angelina Ricci Vezozzo, o cruzamento das ruas Flor de Jesus com Santa Terezinha e o lago Igapó II.Outra atividade a ser realizada é a pintura viária da avenida Robert Koch, realizada pela equipe de sistema viário, e auxiliada pelos agentes de trânsito.

Continua a fiscalização no calçadão, o monitoramento dos semáforos e a eventual troca de lâmpadas nos pontos necessários. A coordenadoria de espaço público atende solicitações de pedidos de alvará e cadastra feirantes e ambulantes. A coordenadoria de terrenos particulares verifica reclamações na região oeste.

Equipes fazem o monitoramento da coleta seletiva e domiciliar em todas as regiões, e a entrega de sacarias. Fiscalizações de rotina nos terminais urbanos e no trânsito também são feitas durante todo o dia. Interessados podem procurar o atendimento da Companhia para o agendamento de vistorias em táxi e mototáxi

Kodak participa do Digitec

A Kodak participou no último dia 15 de setembro do Digitec, seminário focado não somente nas tecnologias de impressão digital, mas também nas possibilidades que os novos equipamentos oferecem para as gráficas, e como se obter retorno financeiro através de aplicações diferenciadas, como impressão unitária e personalização.

Realizado pela ABTG (Associação Brasileira de Tecnologia Gráfica), teve como tema Como vender impressão digital sendo inovador, e contou com palestras de Edivaldo Cassola, consultor de vendas, e de João Scortecci, dono da Scortecci Editora, especializada em livros sob demanda.

Na ocasião, Luis Felipe Cunha, especialista em aplicações digitais da Kodak, representou a empresa num debate realizado no encerramento do seminário, cujo tema girou em torno do perfil de vendas e da receita para ser bem-sucedido e agregar valor ao produto gráfico. Também estiveram presentes representantes da HP e da Canon. (Nào é melhor omitir isso que está em bold?)

Segundo Luis Felipe, a participação da Kodak no evento teve como foco fomentar o desenvolvimento de aplicações envolvendo impressão digital, sempre com o objetivo de o cliente obter sucesso em seus negócios. Destaque, ainda, para as tecnologias eletrofotográfica e inkjet.

“Atualmente, a impressão de dados variáveis é largamente utilizada em pré-impressos, com a solução Kodak Digimaster. Imprime-se uma grande tiragem em offset e aplica o dado variável em preto através das impressoras digitais; este mercado e aplicação são bem resolvidos.

Quanto à impressão cor, ainda utilizamos como foco principal as baixas tiragens ou impressão sob demanda. Questões relacionadas com dados variáveis ou personalização com inteligência em banco de dados ainda não alcançou uma grande demanda de mercado pela própria dificuldade das agências ou empresas aprimorarem ou divulgarem seus dados. Ainda é complexo falar de base de dados no Brasil. Esse tema foi bastante discutido durante o evento e, em minha opinião, esse mercado só crescerá se as pessoas de Marketing das empresas enxergarem o uso de dados variáveis em relação às suas estratégias com alta taxa de retorno de vendas”, disse Luis Felipe.


Para a área de cor, a Kodak disponibiliza hoje a Impressora Digital Kodak NexPress em diferentes configurações, com destaque para uso de aplicações especiais de enobrecimento de impresso, como o Verniz (Dry Ink clear), relevo (Dry Ink Dimensional Clear), UV (Red Fluorescent Dry Ink Clear), qualidade em fotografia com (Light Black), dados variáveis com o software Kodak Darwin e soluções de Workflow com Kodak Prinergy Digital e Kodak Insigth.

Sobre a Kodak

Atualmente, a Kodak atua no mercado de comunicação visual e imagem (com soluções para fotografia, scanner, microfilmes e cinema) e na área gráfica (com soluções de fluxo de trabalho , com sistemas de CtP, insumos como matrizes de impressão digitais e provas de cores além de impressoras digitais coloridas e preto e branco de tecnologia Toner ou Inkjet). No Brasil, é uma das líderes nos segmentos de chapas digitais térmicas, revendas e parceiros em todo o território nacional, o que lhe assegura ampla abrangência no atendimento e suporte aos clientes.

Sempre à frente na inovação do mundo da imagem, a Kodak ajuda consumidores, empresas e profissionais da criatividade a liberarem o poder das imagens e impressões para enriquecer suas vidas.

Artistas fazem homenagem às crianças em show especial no Quinta Nobre

Na próxima semana, o projeto Quinta Nobre, no Palácio da Música, faz uma homenagem à garotada com um evento imperdível com a participação de grandes artistas da terra. Daniel Hulk, José Quaresma, Soraya Casttelo Branco, Marlon e os Brandos, a cantora lírica Luana Campos e André de Sousa trazem um repertório especial dedicado a jovens e adultos no show Criança Pop. O evento inicia às 20h e a entrada é um brinquedo novo, uma mistura de entretenimento e solidariedade.

Esta edição, o projeto Quinta Nobre acontece em parceria com o Criança Brincante, ambos realizados pela Prefeitura de Teresina por meio da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves. De acordo com Luciana Nunes, coordenadora de música da FCMC, a ideia é fazer o mês de outubro ainda mais animado para as crianças. “Doação de um brinquedo é um ato solidário que alegra a vida de muitas pequeninos na periferia. Aliamos a disposição dos artistas em ajudar e a das pessoas em doarem para assistirem um grande espetáculo”, descreve.

Para a presidente da FCMC, Laurenice França, esse tipo de iniciativa é muito importante porque mostra que quem faz a cultura na nossa cidade também tem uma preocupação social. “A Prefeitura tem muitos projetos de assistência e nós, na cultura, também fazemos a nossa parte. Além disso, garantir o sorriso de uma criança é algo gratificante para qualquer pessoa”, destaca.

Para a apresentação da próxima quinta-feira, os músicos já estão se preparando e realizam um ensaio geral nesta segunda-feira, dia 3, a partir das 18h no Palácio da Música. No repertório, eles trazem canções autorais e outras que marcaram a infância de muita gente e que ainda hoje fazem sucesso com a criançada como “Xixi nas Estrelas”, de Guilherme Arantes, Imagem [filme Mulan, da Disney], “Nesta Noite o amor Chegou” [tema do filme Rei Leão], além de músicas de Vinícius de Moraes [As Abelhas], entre outras.

E as apresentações para a garotada no Quinta Nobre continuam no dia 13, com um concerto para Crianças com a Orquestra Sinfônica de Teresina e participação do Grupo Ensaio Vocal. A entrada é um brinquedo novo.

Ministério das Relações Exteriores


Oficinas de roteiro

O Ministério das Relações Exteriores realizará, em outubro, duas edições-piloto de oficinas de roteiro, em Porto Alegre e Recife, em parceria com instituições culturais locais. O objetivo do projeto é contribuir para a formação de profissionais e estudantes de cinema, além de ampliar as redes de contato entre roteiristas nacionais e estrangeiros.

Em Porto Alegre, a oficina será realizada em parceria com o Santander Cultural, entre os dias 4 e 7 de outubro. Já em Recife, a instituição parceira será a Fundação Joaquim Nabuco e as atividades ocorrerão entre os dias 25 e 28 de outubro.

As inscrições para a oficina de Porto Alegre ainda estão abertas, e poderão ser feitas até o dia 4 de outubro pelo e-mail ecine@santander.com.br. Informações sobre as inscrições para a oficina de Recife poderão ser obtidas pelo e-mail canne@fundaj.gov.br.

As oficinas serão conduzidas por roteiristas com experiência de ensino e cujos trabalhos tenham recebido prêmios em festivais de cinema. Foram escolhidos roteiristas que trabalham nos mercados da Argentina e dos Estados Unidos.

A oficina de Porto Alegre será conduzida, em espanhol, por Juan Villegas. Nascido em Buenos Aires, Juan Villegas é ator, diretor, produtor e roteirista de cinema. Dirigiu dois curtas-metragens antes de realizar seu primeiro longa, “Sábado”, de 2001. Entre seus trabalhos posteriores, destacam-se “Los suicidas” e “Ócio”, que estreou no Festival de Berlim no início deste ano.

A oficina de Recife será ministrada, em inglês, pela escritora, roteirista e produtora de cinema María Escandón. Com roteiro de sua autoria, o filme “Santitos” foi sucesso de bilheteria e recebeu prêmios nos festivais de Sundance e Guadalajara. María Escandón ministra curso de redação criativa na Universidade da Califórnia, em Los Angeles, e foi consultora do Sundance Screenwriters Lab.

As oficinas são dirigidas, prioritariamente, a profissionais ou estudantes que já tenham conhecimento prévio sobre redação de roteiros. Serão abertas 25 vagas para cada oficina.

A partir de 2012, pretende-se a ampliação do projeto de oficinas de roteiro para o mínimo de quatro edições anuais em diferentes cidades do Brasil.

Estados querem ser ouvidos antes da criação de áreas protegidas
Florianópolis,

Os estados da federação querem ser previamente consultados antes de a
União criar áreas de preservação permanente, reservas indígenas ou
quilombolas. Esta foi uma das sugestões apresentadas pelos
procuradores-gerais de Estado de todo o país, durante encontro, esta
semana, em Belo Horizonte.

As reuniões do colegiado de procuradores-gerais aconteceram durante o 27º
Congresso Nacional de Procuradores de Estado.



O procurador-geral de Santa Catarina, Nelson Serpa, participou do debate
em torno do assunto e ressaltou a importância de os estados apresentarem
seus argumentos sobre a viabilidade ou não de se criar áreas protegidas.
“Unilateralmente, a União impõe a criação, muitas vezes, sem levar em
consideração o impacto dessa medida entre a população que ali reside há
décadas”.



O Congresso, que reuniu centenas de procuradores, entre eles, nove membros
da PGE/SC, encerra nesta sexta-feira (30) com a palestra “Advocacia
Pública, Eficiência Administrativa e Resultados Sociais”, da ministra
Cármen Lúcia Antunes Rocha, do Supremo Tribunal Federal
RESULTADO DO PRÊMIO FRANCAL TOP DE ESTILISMO SAI NESTA SEGUNDA-FEIRA (3)
Alfredo Mascarenhas, da Zeferino; Julio Rossi, da Revista About Shoes; Paulo Gerhard, da Carmim; Vicente Hoffmann, da Cavage; e a designer de bolsas Joanna Abreu vão escolher os três vencedores de cada uma das cinco categorias da premiação. Um deles será contemplado com uma bolsa de estudos em Milão.
A próxima segunda-feira, dia 3, será decisiva para as centenas de estudantes, designers e estilistas que se inscreveram no 17º Prêmio Francal Top de Estilismo. Neste dia, acontece a seleção dos vencedores de mais uma edição do prêmio, na sede da Francal Feiras, em São Paulo.

A exemplo dos anos anteriores, o corpo de jurados é formado por especialistas na moda de calçados e acessórios. Alfredo Mascarenhas, consultor de moda da Zeferino; Julio Rossi, editor de Moda da Revista About Shoes; Paulo Gerhard, designer de acessórios da Carmim; Vicente Hoffmann, estilista da Cavage; e a designer de bolsas Joanna Abreu vão escolher os três primeiros colocados em cada uma das categorias do prêmio: Calçado Feminino, Calçado Masculino e Bolsas (que incluem modelos sociais, casuais e esportivos), Calçado Infantil (única categoria em que é possível concorrer somente com desenho), e a novidade deste ano, Calçado ou Bolsa em Material Reciclado.

Antes de seguir para o julgamento, as amostras inscritas passaram por uma pré-seleção para confirmar sua adequação às categorias e demais itens do regulamento, como, por exemplo, a não identificação com marcas ou vínculos com empresas, ou que não sejam produzidas com matérias-primas provenientes de espécies ameaçadas.

Para definir os vencedores, os jurados levarão em conta critérios como cunho comercial, conceito Estilo Brasil, criatividade, design diferenciado, originalidade, inovação, sistema de construção, material utilizado e princípios éticos. No caso da categoria Calçado ou Bolsa em Material Reciclado, ainda é avaliado se a amostra foi construída segundo os conceitos de sustentabilidade.

O “Estilo Brasil”, exigido em todas as categorias, é um dos pontos fundamentais do Prêmio Francal Top de Estilismo, pois colabora para o surgimento de novos talentos para a indústria de calçados comprometidos com desenvolvimento de uma identidade original e genuinamente brasileira de moda. Este conceito engloba diferenciais que podem ser representados por um ornamento artesanal, solado especial, construção diferenciada tecnologicamente, design personalizado ou material alternativo.

Premiação

O anúncio dos vencedores sai poucos dias após o julgamento. A festa de premiação está marcada para o dia 18 de outubro, na sede da Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção (ABIT), em São Paulo.

Dependendo da colocação, o vencedor de cada categoria receberá um troféu e um prêmio em dinheiro: R$ 2.000,00 para o primeiro colocado; R$ 1.500,00 para o segundo; e R$ 1.000,00 para o terceiro. A exceção é a categoria Desenho de Calçado Infantil, que entregará apenas troféus.

Os vencedores nas categorias Calçado Feminino, Calçado Masculino, Bolsa, e Calçado ou Bolsa de Material Reciclado presentes à cerimônia de premiação ainda concorrerão, por sorteio, a uma bolsa de estudos na Moda Pelle Academy e a uma assinatura de um ano do portal de tendências WGSN.

Sobre o prêmio

Criado em 1995 pela Francal Feiras, o objetivo do Prêmio Francal Top de Estilismo é lançar novos talentos e incentivar a criatividade brasileira na arte de fazer calçados e bolsas. Desde que foi lançado, revelou vários talentos brasileiros, contribuindo para o desenvolvimento de uma identidade de moda genuinamente brasileira.

O 17º Prêmio Francal Top de Estilismo conta com o apoio de diversas entidades renomadas do setor de moda brasileiro: ABECA - Associação Brasileira dos Estilistas de Calçados e Afins, ABICALÇADOS – Associação Brasileira das Indústrias de Calçados, ASSINTECAL – Associação Brasileira de Empresas de Componentes de Couros, Artefatos e Calçados, ABEST – Associação Brasileira de Estilistas, ABIT – Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção, e ABIACAV - Associação Brasileira das Indústrias de Artefatos de Couro e Acessórios de Viagem – mais a parceria com a MPA - Moda Pelle Academy, renomada escola de estilismo de Milão, que oferece a bolsa de estudos para um dos finalistas, e com o WGSN (www.wgsn.com), líder mundial em pesquisa online, análise de tendências e notícias para a indústria de moda e estilo.


CURSO FRENTE DE CAIXA II: PERÍCIA – CONTROLE DE FRAUDES E GOLPES (08H/AULA)

Objetivo: Preparar profissionais do setor de frente de caixa para prevenção e controle de fraudes e golpes para identificar notas de dinheiro e documentos apresentando indícios primários de falsificação.

Direcionado: Empresários, Gerentes de Loja, Encarregados de Frente de Caixa, Tesoureiras, Fiscais de Caixa , Operadoras de Caixa , Auxiliar Financeiro e interessados .

Data: 12/09/2011.(Segunda-feira). Horário: 09h00 às 18h00

Conteúdo Programático:
· O falsário;
· Fraudes em Carteira de Identidade e de Habilitação;
· Elementos de Segurança das Cédulas Novas em reais ;
· Identificação de nota falsa;
· Identificação de cheque falso (clonagem, adulterações, entre outros);
· Tipos de falsificação (gráfica, escaneamento, artesanal, entre outros);
· O furto no interior dos supermercados;
· Laboratório (identificação de falsificações);
· Conhecimento básico sobre grafismo;
· Tipos de golpes recentes;
· Normas e procedimentos internos;
· Abordagem de furtos;
· Como detectar numerários falsos e adulterados;
· Produtos cangurus (que são utilizados para camuflagens);
· Horários de pico de venda;
· Ética profissional;
· Cuidados e técnicas de sangrias.


Professor: Hildebrando Magno, Perito Grafo Técnico de Documentoscópicos, Palestrante em Prevenção a Fraudes e Grafoscopia há 20 anos. Autor dos Livros : Fraudes Documentais, o entendimento da Grafoscopia. Atende clientes do segmento varejista, bancário, cartório e supermercadista.

Investimento: R$ 100,00(Associado APRAS);
R$ 140,00 (Não-Associado).

Atenção: Vagas limitadas para 40 Alunos por turma.

Informações: (41)3263-7000 /FAX (41)3362-8513- Falar com Fernanda Lara - Coord.de Treinamentos/E-mail: fernanda@academiaapras.com.br; fernanda@apras.org.br

Local: APRAS/IESPAR - Av. Senador Souza Naves, 535 - Alto da XV - Curitiba - PR.

Livro para crianças bem pequenas recria um dia de brincadeiras na pracinha


Brincar, correr, se divertir e, claro, se sujar na pracinha – essa é a rotina do protagonista do livro 'Brinquei na pracinha', de Sonia Junqueira, lançado pela Autêntica Editora.

A obra, indicada para crianças de 0 a 3 anos e pré-leitores, é resultado de um desafio que a autora, Sonia Junqueira, referência na literatura infantil e juvenil nacionais, colocou para si mesma: escrever para crianças bem pequenas. As brincadeiras de carrinho, pique, bola e amarelinha ganham cores vivas e intensidade nas ilustrações da artista mineira Mariângela Haddad.

Após tanta diversão, é hora de um banho quente – o que traz mais elementos para a narrativa, apresentando as partes do corpo – e de se arrumar novamente com roupas limpinhas para, em seguida, partir para um desfecho inesperado. Costurando a obra, a dicotomia entre “sujo” e “limpo” ganha novos contornos, cada um dos pólos com maior relevância conforme a situação.

Texto e imagem se complementam de forma bem-humorada, em estreita sincronia, permitindo a identificação das crianças e a interação entre pais e filhos durante a leitura. Embora não seja poética, a narrativa tem métrica e rima, o que ajuda a criança a memorizá-la e a acompanhar a história com mais facilidade. A história descontraída é perfeita para quem está descobrindo o universo dos livros: com apelo aos aspectos lúdicos da vida da criança, consegue associar a leitura a esses momentos de prazer.

Sobre a autora dos textos – Sonia Junqueira nasceu em Três Corações (MG) e vive em Belo Horizonte. Editora de livros infantis e juvenis, também escreve para crianças, tendo já mais de 90 títulos publicados. É formada em Letras pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Este livro é consequência de um desafio que colocou para si mesma, de tentar escrever para crianças bem pequenas.

Sobre a autora das ilustrações – Mariângela Haddad é mineira de Ponte Nova e ilustra livros infantis desde 1982, já tendo recebido vários prêmios nessa área. É também arquiteta, escritora e tradutora. As ilustrações desse livro são consequência de uma relação de cumplicidade com os leitores bem pequenos e do desejo de provocar neles a delícia que é folhear um livro.

Título: Brinquei na pracinha
Texto: Sonia Junqueira
Ilustrações: Mariângela Haddad
Número de páginas: 20
Formato: 18 x 18 cm
Preço: R$ 22,00
Indicação: Crianças de 0 a 3 anos e pré-leitores
ISBN: 978-85-7526-529-1
Coleção: Para os bem pequenos

Mais informações sobre os livros da Autêntica Editora estão disponíveis no portal do Grupo Editorial Autêntica: www.autenticaeditora.com.br ou pelo telefone 0800 28 31 322



TALLER COMUNICAÇÃO E UFJF/DEFESA LANÇAM LIVRO SOBRE

O PRIMEIRO CARRO DE COMBATE DO EXÉRCITO BRASILEIRO

Após editarem, no mês de abril, a primeira obra a retratar toda a trajetória do emprego e desenvolvimento de veículos blindados militares no Brasil, a Taller Comunicação e o pesquisador mineiro Expedito Carlos Stephani Bastos (coordenador do portal UFJF/Defesa - www.ecsbdefesa.com.br) reforçam a parceria e lançam seu segundo livro. O novo título resgata a história do carro de combate Renault FT-17, um pioneiro que marcou o Exército Brasileiro.

Em 56 páginas, estão reunidos os principais acontecimentos que envolveram a operação da viatura em território nacional, desde sua importação em 1921 até a desativação em 1942. A pesquisa é amparada por muitos documentos da época e dezenas de imagens históricas. Engloba desde o início do projeto, na França envolta pela Primeira Guerra Mundial, até as unidades preservadas atualmente em espaços militares e coleções civis do Brasil.

O livro Renault FT-17 - O Primeiro Carro de Combate do Exército Brasileiro também é o título que inicia a nova coleção Blindados no Brasil, criada para reunir uma série de estudos mais aprofundados sobre a história da tecnologia militar nacional. Em cada número, Expedito Bastos realizará a análise de um modelo de blindado que marcou época nas forças armadas brasileiras. A programação inicial prevê um lançamento por semestre.

Três Décadas de Pesquisas

Bacharel em Direito e pesquisador de assuntos militares da Universidade Federal de Juiz de Fora, Expedito Carlos Stephani Bastos é um dos maiores especialistas brasileiros em sua área, principalmente sobre a evolução da tecnologia aplicada na defesa. Desde a década de 1980, ministra palestras em unidades, escolas e institutos militares. Também publica regularmente artigos sobre a evolução dos blindados nacionais, inclusive no estrangeiro.

A partir do seu vasto acervo pessoal, além das experiências e informações adquiridas no contato com integrantes das forças armadas, empresários, técnicos e engenheiros da indústria de material de defesa, em todo o mundo, o autor lançou em 2003 o portal UFJF/Defesa. Sob a sua coordenação até hoje, a página é uma referência em toda a América Latina. Reúne mais de 1.700 artigos e registra uma média mensal de 60 mil usuários.

Taller Comunicação e UFJF/Defesa

O livro Renault FT-17 - O Primeiro Carro de Combate do Exército Brasileiro é a terceira publicação com o selo da Taller e a segunda produzida em parceria com o UFJF/Defesa. Em abril de 2011, foi lançado primeiro volume da obra Blindados no Brasil - Um Longo e Árduo Aprendizado, cuja sequência estará nas livrarias no início do próximo ano. Em 2009, a editora lançou a coleção Santos-Dumont, de próprio punho, reunindo as autobiografias do inventor.

A nova publicação, em formato 15x21cm, conta com capa colorida e dezenas de fotos e ilustrações, em cores e originais em preto e branco. Será vendida a R$ 33,00, com envio grátis nas compras diretas pelos e-mails livros@taller-comunicacao.com ou livros@ecsbdefesa.com.br. O título é encontrado ainda nas Livrarias Saraiva e Agência Look (Tel.: (11) 3256-0435). Os interessados podem “folhear” virtualmente páginas das duas obras no portal UFJF/Defesa.

O lançamento oficial do livro sobre o Renault FT-17 acontecerá no dia 11 de outubro, nas comemorações do 15º aniversário do Centro de Instrução de Blindados “General Walter Pires”, instalado na cidade de Santa Maria (RS). Na ocasião, a unidade militar apresentará o seu exemplar do pioneiro carro de combate francês, recém-restaurado. Outras informações sobre o evento podem ser obtidas pelo e-mail comsocial@cibld.ensino.eb.br.

Cinara Piccolo/Photo&Grafia
Clique na imagem para fazer o Donwload...
Marcão teve ótima atuação


Cinara Piccolo/Photo&Grafia
Clique na imagem para fazer o Donwload...
Segundo amistoso Brasil x Cuba


Cinara Piccolo/Photo&Grafia
Clique na imagem para fazer o Donwload...
Segundo amistoso Brasil x Cuba


Cinara Piccolo/Photo&Grafia
Clique na imagem para fazer o Donwload...
Segundo Amistoso Brasil x Cuba


Seleção Olímpica Masculina de Handebol derrota Cuba novamente em Minas Gerais

Terceiro e último amistoso entre as equipes será no sábado (30) em São Paulo

SANTO ANDRÉ (SP) - Segunda vitória em dois jogos. A Seleção Olímpica Masculina de Handebol derrotou, novamente, a equipe de Cuba nesta noite por 33 a 24 (17 a 13), em partida disputada na Arena Olímpica da cidade de São Sebastião do Paraíso, em Minas Gerais, mesmo local onde os brasileiros venceram os cubanos no primeiro amistoso, na última terça-feira (27).

O Brasil começou melhor no confronto de hoje, logo abrindo diferença no placar. Oscilou em alguns momentos, durante os 60 minutos, mas conseguiu manter a vantagem, chegando a abrir 10 gols, e foi melhor do que os adversários, inclusive com direito a um gol do goleiro Marcão. O artilheiro do jogo foi Reifer Toriño, ponta-esquerda de Cuba, com 10 gols; e o da Seleção foi o capitão Léo, central, com sete gols.

"Foi uma boa partida. Fomos bem, mas foi um jogo com dificuldades a serem dribladas. Serviu, principalmente, para testarmos bem a defesa 6/0, que foi um dos principais focos nos treinamentos", destacou o técnico do Brasil, Javier Garcia Cuesta.

A reta final de preparação da Seleção rumo aos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara terminará com o terceiro e último amistoso contra os cubanos, no próximo sábado (01), a partir das 16h, no Clube Hebraica, em São Paulo. Os adversários optaram por não participar do classificatório para o Pan e, consequentemente, não participarão da competição.

02 de outubro, Dia Internacional da Não Violência

A data foi criada pela Organização das Nações Unidas em homenagem a Mahatma Gandhi, nascido neste dia no ano de 1869, na Índia. Mahatma Gandhi foi um dos maiores líderes pacifistas da história, levando multidões a conhecer e a praticar o significado da não-violência, na sua luta pela independência da Índia. Certa vez o líder indiano comentou: “Posso até estar disposto a morrer por uma causa, mais nunca a matar por ela!” Quando, em certos momentos, a violência começou a se manifestar entre os indianos, Gandhi praticou o jejum, por duas vezes, colocando em risco a sua própria vida, com o objetivo de sensibilizar seus seguidores a não fazer uso da violência.

O termo ‘não-violência’ em sânscrito - ‘ahimsa’ - tem o significado profundo de não dano, não prejuízo. Daí surge a idéia central deste conceito que nos inspira a ser pacífico, o que é bastante diferente de ser passivo. É agir de forma coerente e firme, norteados pelos nossos ideais, sem aceitar qualquer forma de violência.

Trabalhar pela Cultura da Não-Violência nas escolas é fundamental para que crianças e adolescentes possam aprender a valorizar princípios como o respeito, a tolerância, o diálogo e a solidariedade. A Cultura da Paz se faz nas pequenas ações do cotidiano: no nosso jeito de nos comunicar com os outros, na nossa forma de lidar com conflitos e sentimentos como frustração e raiva, na nossa capacidade de reconhecer e valorizar as diferenças e de sermos tolerantes.

Afinal, a escola não está isolada da sociedade e todas as questões relacionadas à violência valem para a escola também. A violência na escola não pode ser avaliada por casos isolados de alunos e profissionais com problemas mais sérios de comportamento. Pesquisas sobre violência nas escolas têm mostrado que a grande maioria dos alunos e profissionais não são habitualmente violentos e nem tampouco convivem em um ambiente desestruturado ou violento. No entanto, muitas vezes acabam manifestando algumas atitudes violentas na escola. Pode-se apontar como possíveis causas alguns aspectos relacionados ao fenômeno mais freqüentes, como educadores não capacitados para lidar com o fenômeno, problemas de gestão e de liderança escolar, ação policialesca com os alunos, falta de propostas que estimulem o protagonismo juvenil, etc.

É preciso calma para se buscar a paz e a justiça. Há que se cuidar com o pânico gerado em situações extremas para que medidas tomadas não sejam imediatistas e pautadas no medo e insegurança. Quando acuados, movidos pelo medo, podemos não atentar para aspectos cruciais.

A ONG ‘Não-Violência’ acredita e investe em prevenção e, por isso, escolheu como seu local de atuação as escolas: instituições cujo foco é a educação e que reúnem no mesmo espaço e voltados para os mesmos objetivos, crianças, adolescentes, suas mães/pais e educadores.

A escola é também ambiente onde inúmeras relações humanas se constituem e, como em qualquer ambiente social, essas relações experienciam os mais diversos sentidos. E é um dos ambientes mais propícios para que se dê o aprendizado de valores que norteiam uma sociedade pacífica como o respeito, a ética, a justiça. Mas como se constrói esta sociedade pacífica? Como se dá o aprendizado destes valores?

Buscando-se referências, exemplos, modelos. Esta é uma das principais formas de aprendermos a conviver em sociedade. As crianças e jovens estão sempre se espelhando nos adultos a sua volta. Responsáveis pela educação por meio de ensinamentos e, principalmente, de atitudes é, para nós, pais, mães, educadores, policiais, políticos, autoridades, que devemos direcionar o nosso olhar. Estamos sendo referência a estes jovens de exemplos éticos, primamos pelo diálogo, buscamos a justiça e trabalhamos em prol do bem comum ou valorizamos nossos próprios interesses, priorizando o prazer imediato e bem estar individual? Estamos sendo pacíficos em nosso cotidiano, com aqueles com quem nos relacionamos, ou muitas vezes agimos de forma violenta por meio da omissão, humilhação, discriminação, palavras duras, ou até mesmo a rejeição?

A experiência que tenho tido ao longo de 10 anos com as mais diversas escolas de Curitiba e região metropolitana, acompanhando as pesquisas produzidas no Brasil e no mundo na área da violência escolar, aponta para o caminho de que há muito o que se pode fazer na construção da paz por intermédio das escolas. Entendendo que a não-violência não exclui o conflito das relações humanas; que o conflito, enquanto divergência é norteador de uma cultura heterônoma e faz parte de um ambiente pacífico; que a paz não é ausência de atitude, e sim, exige ações efetivas e contundentes; que crianças, adolescentes, jovens e porque não, também nós os adultos, estamos ávidos por referências pacíficas que nos norteiem num processo educativo que nos indique como viver neste mundo tão desafiador, concluo que é urgente e necessário que cada um de nós se perceba agentes na construção desta Cultura da Paz.

Façamos desta causa e ideal nossa referência para sermos em nossas pequenas ações pessoas mais pacíficas. Lembrando que ser pacífico não é ser passivo, é agir de forma coerente e firme, norteados pelos nossos ideais, sem aceitar qualquer forma de violência.

Paraná deve colher 31,52 milhões de toneladas de grãos na safra 2010/11


aSafra atual foi prejudicada pelo clima e o resultado é inferior à produção de 2009/10, que teve o volume recorde de 32,82 milhões. Mas os preços estão melhores e compensando as perdas dos produtores. Soja teve colheita recorde de 15,31 milhões de toneladas e ajudou a amenizar a quebra no volume total da produção. Previsão para a próxima safra é de aumento de 17% na área plantada de milho e reduções nas lavouras de soja e feijão.

Estado vai investir mais em saúde e segurança pública em 2012


aGoverno entrega proposta orçamentária à Assembleia Legislativa no valor de R$ 27,7 bilhões. No primeiro orçamento do governo Beto Richa, saúde terá R$ 1,68 bilhão em recursos próprios e a segurança pública chega a R$ 1,71 bilhão. As despesas com a folha de pagamento de pessoal do Executivo somam R$ 9,5 bilhões, cumprindo a Lei de Responsabilidade Fiscal.

Beto defende distribuição igualitária de royalties do pré-sal

aDurante encontro com governadores dos estados que integram o Conselho de Desenvolvimento e Integração do Sul (Codesul), em Porto Alegre, Beto Richa foi enfático em defender a derrubada do veto presidencial à Emenda Ibsen, que estabelece que as riquezas do petróleo da camada Pré-Sal devem ser distribuídas entre todos os estados e municípios. “A divisão igualitária dos royalties é justa e democrática”
Udesc investe R$ 600 mil em projetos para melhoria do ensino de graduação
Florianópolis,

A Pró-Reitoria de Ensino (Proen) da Udesc divulgou, nesta quinta-feira
(29), o edital do Programa de Apoio ao Ensino de Graduação (Prapeg). Serão
investidos no próximo ano R$ 600 mil em projetos que visem à melhoria
qualitativa do ensino de graduação.

Dos R$ 600 mil, 30% serão para financiar projetos da Direção de Ensino de
Graduação com atividades pedagógicas e aquisição de equipamentos para
modernizar os laboratórios, o que representa um valor de R$ 15 mil para
cada um dos 12 centros. Os outros 70% dos recursos serão distribuídos de
acordo com o número de cursos de graduação oferecidos em cada unidade.

Os recursos liberados por meio do Programa de Apoio ao Ensino de Graduação
poderão ser utilizados por professores efetivos. O edital do Prapeg e seus
anexos está no site http://www.udesc.br/?id=100.

AS VEDAÇÕES DOS VEÍCULOS DO FUTURO SERÃO APRESENTADAS

PELA FREUDENBERG-NOK NO CONGRESSO SAE BRASIL 2011

O futuro da mobilidade ainda é um grande mistério. Nas próximas décadas, as ruas poderão estar repletas de veículos híbridos, elétricos a bateria, movidos a hidrogênio, com motores capazes de consumir diversos tipos de combustíveis ou mesmo com eficientes unidades diesel. Mas, qualquer que seja a tecnologia dominante, as vedações Freudenberg-NOK certamente estarão presentes.

Maior fabricante de retentores e vedações da indústria automobilística mundial e uma das empresas que mais investe na pesquisa de elastômeros avançados, a Freudenberg-NOK está sempre pronta para atender aos desafios dos clientes e da sociedade na busca por transportes eficientes. Algumas dessas novidades poderão ser conhecidas, de 4 a 6 de outubro, no Congresso SAE Brasil 2011.

Novidades Brasileiras

Alinhada ao tema do encontro - “Inovação, Meio Ambiente e Eficiência: O Papel da Engenharia Brasileira da Mobilidade” - a Freudenberg-NOK apresentará em seu estande uma série de produtos de alta tecnologia que passarão a equipar os veículos nacionais em 2012. São soluções capazes de reduzir as emissões e o atrito de uma forma significativa, além de possuírem grande durabilidade.

Os retentores ESS - Energy Saving Seal e POP - PTFE Optimized Performance, por exemplo, estarão presentes nos motores dos carros brasileiros no início do próximo ano. Outras vedações, como os selos para hastes de válvulas Gas Lip e os o-rings para cilindros FKM 606, estão sendo produzidas pela Freudenberg-NOK em Diadema (SP) para as novas unidades diesel Euro V/Proconve 7.

“O diferencial da Freudenberg-NOK é unir as inovações criadas numa estrutura global de desenvolvimento, alinhada às mais diversas demandas por eficiência e sustentabilidade, com um completo suporte local em engenharia e produção. Dessa forma, podemos oferecer aos clientes um amplo leque de soluções técnicas, com performance assegurada, e a garantia de iniciar um fornecimento nacional com rapidez e confiabilidade”, ressalta o diretor de vendas Rodrigo Vilela.

Prontos para o Futuro

Além de conferir todas as novidades nacionais, os profissionais que visitarem a Freudenberg-NOK no Congresso SAE Brasil poderão conhecer as soluções para a mobilidade do futuro criadas dentro do conceito LESS - Low Emission Sealing Solutions. São centenas de itens ambientalmente corretos para aplicação nos mais diversos sistemas automotivos, dos motores aos componentes eletrônicos.

A nova linha contempla as principais tendências do futuro da mobilidade, como os pequenos motores de alta eficiência, sistemas multicombustíveis, unidades diesel e biodiesel com Arla 32, veículos híbridos ou elétricos a bateria, além dos movidos a hidrogênio. Outros conceitos avançados, como as vedações desenvolvidas com nanotecnologia, também serão apresentados pela Freudenberg-NOK.

A vigésima edição do Congresso Internacional de Tecnologia da Mobilidade da SAE Brasil será realizada no Expo Center Norte, na cidade de São Paulo, entre os dias 4 e 6 de outubro. O estande da Freudenberg-NOK (espaços 57/58) contará com engenheiros de plantão diariamente, das 10h30 às 20 horas.

A Freudenberg-NOK

A Freudenberg-NOK é uma joint venture formada pela união do grupo alemão Freudenberg com a fabricante japonesa de vedações NOK. Suas unidades de negócios Freudenberg-NOK Divisão Automotiva, Corteco, Simrit e Dichtomatik atuam em vários segmentos, como o automotivo, reposição e industrial.

Especializada no desenvolvimento e produção de retentores, selos, o-rings, vedações hidráulicas e pneumáticas, a Freudenberg-NOK integra a Unidade de Negócios de Tecnologia em Controle de Vibração e Vedação, que emprega mais de 22 mil pessoas em todo o mundo e, em 2010, obteve um faturamento global acima dos € 3,1 bilhões.

No Brasil desde 1973, a Freudenberg-NOK possui sua unidade fabril na cidade paulista de Diadema, onde trabalham cerca de 500 pessoas. Além de atender a todas as montadoras e principais indústrias do país, exporta para diversos países da América Latina, Estados Unidos e Europa.

O Grupo Freudenberg

De origem alemã, o Grupo Freudenberg atua nos segmentos de vedação, controle de vibrações, não-tecidos, lubrificantes, desmoldantes, filtragem, entre outros. Emprega mais de 34 mil pessoas em 59 países e registrou um faturamento superior a € 5,4 bilhões em 2010.

No Brasil, está presente com seis empresas: Freudenberg-NOK, EagleBurgmann, Chem-Trend, Klüber, Freudenberg Não-Tecidos e Vibracoustic.

Ministério das Relações Exteriores


Eleição do candidato brasileiro à Direção-Executiva da Organização Internacional do Café

Robério Oliveira Silva foi eleito, por aclamação, Diretor-Executivo da Organização Internacional do Café para o período de 2011-2016, hoje, dia 29 de setembro, em Londres.

Robério Silva já exerceu, por oito anos, o cargo de Secretário-Geral da Associação dos Países Produtores de Café, em Londres. Economista, Oliveira Silva ocupa, atualmente, o cargo de Diretor do Departamento do Café do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Seu programa de trabalho inclui reformas na estrutura da entidade e um compromisso com a sustentabilidade da lavoura cafeeira, nas suas vertentes econômica, social e ambiental.

A OIC é a principal agência intergovernamental para o café. Seus Estados membros representam 97% da produção e 80% do consumo mundial do produto. O Brasil é o maior contribuinte das receitas financeiras da OIC, bem como o principal produtor e exportador mundial de café, além do segundo consumidor mundial.

Ministério das Relações Exteriores


Participação brasileira na Missão de Paz da ONU no Líbano

Nota Conjunta do Ministério da Defesa e do Ministério das Relações Exteriores - Brasília, 29 de setembro de 2011

Com a aprovação na Câmara dos Deputados e no Senado Federal, concluída em 28 de setembro, o Governo brasileiro prepara o envio de um navio da Marinha do Brasil, equipado com aeronave e até 300 tripulantes, para reforçar o componente marítimo da Força Interina das Nações Unidas no Líbano (UNIFIL).

A medida aprovada pelo Congresso Nacional atende mensagem enviada pela Presidenta Dilma Rousseff, acompanhada de Exposição de Motivos assinada pelos ministros da Defesa, Celso Amorim, e das Relações Exteriores, Antonio de Aguiar Patriota. No documento, os Ministros ressaltam que a iniciativa demonstra o compromisso do Brasil com a promoção da paz no Oriente Médio.

A UNIFIL foi criada pela Resolução 425 (1978) do Conselho de Segurança das Nações Unidas com o mandato original de supervisionar a retirada das tropas israelenses do território do Líbano. Após a crise de 2006, por meio da Resolução 1701 (2006), o Conselho de Segurança reforçou a missão e adicionou ao seu mandato as funções de monitorar a cessação de hostilidades e de contribuir para a garantia do acesso da ajuda humanitária às populações civis e do retorno seguro e voluntário dos deslocados. Pela mesma resolução, foi criada a Força-Tarefa Marítima (MTF), como parte da UNIFIL, para monitorar o tráfego ao largo da costa libanesa, com vistas a evitar violações ao embargo de armas aplicado ao Líbano, e para treinar os quadros da Marinha de Guerra libanesa.

A missão conta atualmente com 11.746 militares, 351 funcionários civis internacionais e 656 nacionais.

O Brasil iniciou sua participação na UNIFIL em fevereiro deste ano, com um destacamento de oito militares – quatro oficiais e quatro praças. Na ocasião, um oficial brasileiro, o contra-almirante Luiz Henrique Caroli, assumiu o comando da Força-Tarefa Marítima, unidade da UNIFIL composta de 800 militares.

O navio brasileiro deverá seguir para o Líbano no dia 4 de outubro e servirá como capitânia da frota, composta por três navios da Alemanha, dois de Bangladesh, um da Grécia, um da Indonésia e um da Turquia. Trata-se da primeira esquadra utilizada pela ONU em missões de paz.

O Brasil possui um histórico de participação em operações dessa natureza, sendo uma das mais importantes a contribuição à missão para estabilização no Haiti (Minustah).

Londrina viveu dia especial com João Vicente Goulart

Londrina viveu a história do país que não é conhecida pela maioria da população. Com a presença do ex-deputado João Vicente Goulart, filho do saudoso Presidente Jango, foi passado a limpo a campanha da Legalidade, liderada pelo então governador do Rio Grande do Sul, Leonel Brizola, em 1961; os motivos que levaram ao golpe militar em 1964 e até os mistérios que cercam a morte do ex-presidente do Brasil, João Belchior Marques Goulart, em 1976.

A experiência foi vivida em um rico debate na noite de ontem (28), no auditório na Rádio Brasil Sul, que reuniu centenas de pessoas como o prefeito Barbosa Neto, os vereadores José Roque Neto e Tito Valle, lideranças comunitárias, secretários municipais e militantes políticos da luta pela democracia como o presidente do Partido Comunista Brasileiro (PCB), Amadeu Felipe; Izidio Botelho e o último exilado da época da ditadura militar a retornar ao Brasil, o médico Samuel Baba.

Numa atitude inédita, o debate foi transmitido ao vivo pela rádio Brasil Sul AM pelos 1290 khz e pela internet www.radiobrasilsul.com.br, propiciando que milhares de pessoas ouvissem em todos os cantos da cidade e do país.

Londrina ganha Escola João Goulart

As homenagens ao presidente Jango continuaram na manhã desta quinta-feira. O prefeito Barbosa Neto assinou a ordem de serviço para a construção de escola, na região norte de Londrina, que irá atender 500 alunos, do 1º ao 5º ano do ensino fundamental em regime de tempo integral. A Escola vai ser chamar presidente João Belchior Marques Goulart, Jango.

O prefeito ainda aproveitou a solenidade para homenagear o ex-deputado federal João Vicente Goulart, entregando uma placa com a seguinte mensagem: “A maior e mais justa homenagem que Londrina poderia render a vossa memorável visita hoje é assegurar-lhe que nunca os ideais soberanos do PDT de Jango e Brizola, como Educação Integral, Participação Popular, Valorização dos Servidores, Geração de Empregos e Respeito ao Interesse Público, estiveram tão vivos na vida de uma cidade como estão hoje em Londrina”.

João Vicente elogiou o prefeito por atitudes como a Educação em Tempo Integral nas escolas da rede municipal que atende 7 mil crianças; a defesa da Sercomtel, única empresa pública de telefonia do Brasil, e ainda falou que o prefeito Barbosa Neto é vítima dos setores tradicionalmente golpistas, como a direita e a mídia, que vitimaram Jango, Brizola e tantos outros mártires trabalhistas.

Serviço

Os interessados em acompanhar o debate feito pelo o ex-deputado João Vicente Goulart terão a oportunidade única na reprise que será feita pela rádio Brasil Sul, no domingo (2), às 12h30. Não perca.

Cesta Verde atende jardim Leonor amanhã


Projeto troca 2 kg de material reciclável por 1 kg de alimento; entrega será na praça do jardim Leonor

A Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento atende os moradores da região oeste amanhã (30). Em sua nona edição, o projeto Cesta Verde vai ao jardim Leonor. As equipes levam alimentos frescos à população e recolhem materiais recicláveis, com dois caminhões, que vão atender aos moradores na praça, entre o Módulo Policial e o Colégio São José, localizado na rua Eucaliptos.

Para realizar a troca dos recicláveis por alimentos, basta a pessoa se dirigir aos caminhões, que permanecem no local das 9h às 12h e das 14h às 17h, com 2 kg de lixo reciclável para receber 1 kg de alimento variado. Cada pessoa pode receber até 6 Kg de alimentos, entregando 12 kg de materiais recicláveis, que serão encaminhados à Coopersil.

A entrega funciona com dois caminhões. No primeiro, as pessoas entregam os materiais recicláveis, que são pesados no local e acondicionados no caminhão que transporta os resíduos até a Coopersil. No segundo caminhão, as pessoas recebem os alimentos, saudáveis e livres de agrotóxicos, em quantidade equivalente à quantidade de material reciclável entregue.
Segundo dados da Secretaria de Agricultura, 1.096 famílias já participaram da ação. Ou seja, foram trocados 7.335 kg de lixo reciclável por 3.582 kg de alimentos frescos e variados.

Pesquisa aponta SDR de Jaraguá do Sul como a melhor em gestão do Estado
Jaraguá do Sul,

O secretário de Desenvolvimento Regional, Lio Tironi, anunciou durante
coletiva de imprensa, na tarde desta quinta – feira, dia 29, na SDR, o
resultado da avaliação de desempenho das SDRs, realizado pela Secretaria
de Estado do Planejamento, entre os anos de 2008 a 2010.



O documento aponta a SDR de Jaraguá do Sul como a primeira do Estado, se
destacando como a melhor gestão em 2010, entre as 36 regionais
catarinenses. “Este resultado prova que a SDR vem colhendo bons frutos na
nossa região. É uma conquista de todos que fazem parte do governo
estadual, que são os gerentes, servidores, diretores de escolas,
professores, e também dos conselheiros que participam das reuniões, e
ajudam a discutir as prioridades e aprovar os projetos”, comemorou Tironi.



O estudo foi feito a partir de dados coletados pelos próprios gerentes da
SDR e também pelas secretarias setoriais, em Florianópolis. Foram
analisados critérios como: gestão do Conselho de Desenvolvimento Regional
(CDR), administrativo, gestão da comunicação e a atuação de cada gerente
nas áreas de saúde, educação, infraestrutura, agricultura, cultura,
esporte e turismo.



Nos anos de 2008 e 2009, Jaraguá do Sul aparecia em segundo lugar no
ranking estadual, atrás de Joinville. Já em 2010, quando figurou o
primeiro lugar, apareceu seguida das Regionais de Chapecó, Joinville,
Maravilha, Concórdia, Itapiranga e Campos Novos, respectivamente.



Durante o encontro Tironi apresentou ainda aos jornalistas um balanço dos
investimentos feitos pelo governo do Estado na região neste ano. O
secretário deu ênfase para as ações em andamento na área de educação, que
já totalizam investimentos na ordem de R$ 12 milhões.



Um dos destaques é a construção da nova escola General Rondon, em
Massaranduba, que está em fase de licitação. A obra, uma reivindicação
antiga da comunidade local, contará com 20 salas de aula, laboratórios,
auditório com capacidade para 120 pessoas, biblioteca, refeitório,
cozinha, ginásio de esportes, entre outros. Toda a estrutura será adaptada
dentro dos padrões de acessibilidade. A estimativa é de que a construção,
orçada em R$4.8 milhões, seja concluída em 2013.