terça-feira, 9 de agosto de 2016

Estreante na competição, atleta do Talentos RJ finalizou sua participação na Rio 2016


 

A emoção de estar pela primeira vez em uma edição de Jogos Olímpicos. E o melhor, estrear em casa. Esta foi a sensação de Victor Penalber, judoca carioca que pisou no tatame olímpico nesta terça-feira (09/08), na Arena Carioca 2. Atleta do Talentos RJ, programa de apoio ao esportista da Secretaria de Estado de Esporte, Lazer e Juventude (Seelje), Penalber não conseguiu a classificação para as quartas de final, mas saiu com o sentimento de dever cumprido.
 
Na luta eliminatória, Victor, que é da categoria até 81 kg, não encontrou dificuldade e finalizou a disputa com Marlon Acacio, de Moçambique, por imobilização. Já nas oitavas, o adversário foi o judoca dos Emirados Árabes. Depois de tomar um wazari logo de cara, o atleta brasileiro conseguiu um yuko, mas não conseguiu resistir às investidas de Sergiu, que também conseguiu um yuko e encerrou a luta com wazari.

- Vou guardar isso aqui no coração. Agora, a torcida do dia é para a Mariana, que merece muito e pode ganhar uma medalha para o Brasil - resumiu Victor ao comentar sobre o desempenho da colega do Brasil, Mariana Silva, que se classificou para as semifinais do judô.

Nenhum comentário:

Postar um comentário