sábado, 16 de janeiro de 2016

FEIPE 2016 tem 33 projetos aprovados

 

 

O parecer final foi divulgado nesta sexta-feira (15) após análise das 62 propostas esportivas inscritas

Nesta sexta-feira (15), o Conselho Administrativo da Fundação de Esportes de Londrina (Cafel), divulgou os projetos aprovados, não habilitados e reprovados para receber recursos do Fundo Especial de Incentivo a Projetos Esportivos (FEIPE), de 2016. Os aprovados deverão desenvolver projetos esportivos na cidade durante este ano. O parecer do Conselho foi publicado na edição nº 2902 do Jornal Oficial, disponível no portal da Prefeitura, link http://goo.gl/C27UJK.

Dos 62 projetos inscritos, 33 foram aprovados. Todos os cinco programas do edital tiveram propostas habilitadas, sendo oito para o Programa de Formação Esportiva da Juventude; seis para o Incentivo ao Desenvolvimento do Esporte Adulto; um projeto de Apoio às Ligas Londrinenses; oito para o Programa de Esportes para Pessoas com Deficiência e dez projetos nas Modalidades Esportivas Alternativas.

Do total de aprovados no Programa de Esportes para Pessoas com Deficiência e nas Modalidades Esportivas Alternativas, sete projetos serão contemplados em cada um, de acordo com os critérios de classificação. E dos R$ 3.113.000,00 disponíveis para o fundo, será conveniado neste primeiro momento R$ 1.771.000,00, somando todos os programas.

Segundo o presidente da FEL, Vilmar Caus, a Fundação conseguiu atender a uma solicitação antiga com a divulgação do resultado em janeiro. “A comunidade esportiva, há muito tempo, pedia que a data de publicação do FEIPE fosse antecipada para que, consequentemente, os convênios fossem firmados antes e eles pudessem planejar o calendário esportivo de cada modalidade. Este ano conseguimos atender”, explicou.

Além dos projetos habilitados, que já estão aptos a firmarem convênio, há projetos considerados não habilitados, que tiveram algum problema na apresentação da proposta. Nestes casos, é preciso apresentar os documentos faltantes em até oito dias úteis, para poderem firmar convênio. Ao todo, são 20 projetos inseridos nesta categoria.

A partir da divulgação do resultado, os responsáveis pelos projetos aprovados devem esperar o prazo de recurso, de cinco dias úteis, e o prazo destinado aos não habilitados. Esses prazos correm juntos e, a partir deste momento, serão chamados pela Fundação de Esportes de Londrina (FEL) para que assinem o termo de convênio do FEIPE 2016 e sigam todos os trâmites seguintes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário