quarta-feira, 5 de agosto de 2015

PF reprime a venda de medicamentos anabolizantes em Marília/SP


PF reprime a venda de medicamentos anabolizantes em Marília/SP

Marília/SP - A Polícia Federal deflagrou hoje (22) a Operação Hiroshima*, que tem por objetivo reprimir a venda de medicamentos anabolizantes, de procedência ignorada ou sem registro na ANVISA, em desacordo com a real destinação do medicamento em Marília, São Paulo.
Foram cumpridos 7 mandados de busca e apreensão, expedidos pela Justiça Estadual.
A investigação teve início há aproximadamente 9 meses, após a apreensão de 10 mil rótulos de anabolizantes pela ANVISA, os quais estavam sendo encaminhados, via Correios, para endereço localizado nesta cidade de Marília, SP.
Durante a investigação foram identificados indivíduos que comercializam anabolizantes, de maneira ilegal e criminosa, principalmente para praticantes de atividades físicas, o que resultou, inclusive, na prisão de um dos investigados em situação flagrancial.
Os investigados, uma vez indiciados, responderão pelo crime de falsificação, corrupção, adulteração ou alteração de produto destinado a fins terapêuticos ou medicinais.

*O nome da operação faz alusão aos medicamentos comercializados, popularmente conhecidos como “bombas”, os quais podem ocasionar efeitos devastadores no organismo quando utilizados de maneira indiscriminada e sem acompanhamento médico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário