quinta-feira, 2 de julho de 2015

Alvaro Dias criticou seis primeiros meses do segundo mandato de Dilma Da Redação e Da Rádio Senado


O senador Alvaro Dias (PSDB-PR) criticou duramente os primeiros seis meses do segundo mandato da presidente Dilma Rousseff. Na opinião dele, esse semestre deixou evidente que o governo é incompetente do ponto de vista administrativo. Ele lembrou que recente pesquisa mostrou a presidente e seu governo com um recorde histórico de impopularidade.
O parlamentar também citou o escândalo de corrupção na Petrobras, o aumento das contas de luz, as seguidas altas do dólar, do desemprego, da inflação e da taxa de juros, a contabilidade criativa e as "pedaladas fiscais" para demonstrar que o governo Dilma mistura incompetência com corrupção.
- É um governo que não sabe o que fazer com o país. Além dos indicadores negativos, desastrosos, a população, perplexa, embaraçada, perturbada, decepcionada com o calote eleitoral que sofreu, depara-se, dia a dia, com revelações que envergonham as famílias brasileiras - disse o senador
Alvaro Dias afirmou que é rotina desse governo transformar a política em espetáculo midiático, sem compromisso com a realidade.
Agência Senado

Nenhum comentário:

Postar um comentário