terça-feira, 17 de novembro de 2015

Policiais dos EUA vão ministrar curso de combate à lavagem de dinheiro

Representantes do Serviço de Segurança Diplomática (DSS) e da Drug Enforcement Administration (DEA), que combate o narcotráfico nos Estados Unidos, estiveram em Curitiba, nesta terça-feira (18), em reunião com o secretário de Estado da Segurança Pública e Administração Penitenciária, Wagner Mesquita. 

O encontro serviu para troca de informações estratégicas sobre o combate às drogas no Paraná. Integrantes do DEA virão novamente a Curitiba em março de 2016 para a realização de um curso destinado a policiais civis do Paraná. 

“A intenção é trocar informações e experiências com a Polícia do Paraná através de treinamentos e cursos”, explicou Rodney Lott, representante do DEA. Kareem Hernandez, do DSS americano, disse que “o curso será voltado para o combate ao crime de lavagem de dinheiro e operações policiais”. 

Mesquita explica que é necessária a troca de informações entre os setores de segurança nacionais e internacionais para ter mais eficácia no combate ao crime organizado e ao tráfico de drogas. “A atividade criminosa migra constantemente de estados e até de países. É preciso estar atento e em perfeita comunicação com o DEA, por exemplo, para identificarmos e prendermos os criminosos”, disse Mesquita. 

A reunião contou ainda com a presença do coordenador do Departamento de Inteligência do Paraná (Diep), delegado Fábio Amaro; o delegado-titular da Divisão Estadual de Narcóticos (Denarc), Riad Braga Farhat, o chefe da Agência de Inteligência da Polícia Civil (AIPC), Silvio Rockembach; e o delegado-geral-adjunto da Polícia Civil, Naylor Robert de Lim

Nenhum comentário:

Postar um comentário