terça-feira, 17 de novembro de 2015

Jogos Escolares da Juventude entram na etapa dos esportes coletivos

1

 
Time de futsal feminino da Escola Estadual Leopoldo José Guerreiro, de BombinhasTime de futsal feminino da Escola Estadual Leopoldo José Guerreiro, de BombinhasFoto: Antonio Prado
 
Um novo grupo de estudantes já está em Londrina, Paraná, para a disputa das modalidades coletivas dos Jogos Escolares da Juventude 2015, etapa de 15 a 17 anos. Desta terça-feira, dia 17, até sábado, dia 21, serão realizadas mais de 300 partidas pelos torneios feminino e masculino de basquetebol, futsal, handebol e voleibol do evento. Agrupados em três divisões, os atletas dessas quatro modalidades esportivas somam quase 2,5 mil representantes das delegações estaduais e da cidade-sede, entre jogadores, dirigentes e treinadores. No total, mais 3,7 mil jovens competem nesta edição dos Jogos.
 Após os torneios de ciclismo, natação, luta olímpica, xadrez, atletismo, judô, tênis de mesa, vôlei de praia e ginástica rítmica, encerrados no domingo, dia 15, é chegado o momento de o maior evento esportivo escolar do país receber os jovens das modalidades coletivas. As partidas acontecem em 16 praças esportivas, com jogos começando às 8h30 (de Brasília), nos seguintes locais: Bandeirantes, Sesi, Arel e Sest/Senat (basquetebol); Ginásio Pedro Dias, Ginásio Fioravante Pedro Scolari, Ginásio Edilson Carlos Marigo e UEL (futsal); Centro de Eventos de Londrina, Moringão, Anália Franco e Unopar (handebol); e KEC, Banestado, AABB e Arel (voleibol).
 Nesta fase dos Jogos Escolares, os times de cada canto do país são divididos em três divisões, de acordo com a colocação do estado na edição anterior do evento. Ao final do torneio, no próximo domingo, dia 21, as duas melhores equipes da segunda e da terceira divisão conseguem o acesso do estado para a divisão superior no evento do ano que vem. Os dois estados com pior desempenho tanto na primeira quanto na segunda divisão são rebaixados.
  Novos embaixadores
 Para estimular os participantes dos Jogos Escolares, um novo Time de Embaixadores – formado por atletas e ex-atletas olímpicos e pan-americanos do Brasil – vai acompanhar de perto o desempenho dos jovens brasileiros. No grupo, estão Josuel Santos (basquete), Lenísio Teixeira Júnior (futsal), Diego Hubner (handebol) e Fofão (vôlei). Na fase das modalidades individuais, os Embaixadores foram Vanderlei Cordeiro (atletismo), Luciano Pagliarini (ciclismo), Angélica Kvieczynski (ginástica rítmica), Charles Chibana (judô), Aline Silva (luta olímpica), Fabíola Molina (natação) e Shelda Bede (vôlei de praia).
Atividades socioculturais – Com o tema "Igualdade de gêneros no esporte", o Centro de Convivência dos Jogos Escolares traz uma série de ações em busca de sensibilizar os atletas para que homens e mulheres tenham os mesmos direitos e oportunidades dentro e fora do esporte. Serão realizadas palestras, oficinas de estamparia em camisetas, apresentações de vídeos e intervenções com uso de light paint (pintura com luz) relacionadas ao debate sobre gênero. O conteúdo foi produzido pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB) em parceria com a ONU Mulheres, organização global para o progresso das mulheres e meninas ao redor do mundo.
Além do debate sobre gênero, o Centro de Convivência disponibiliza a Biblioteca do COB com acervo sobre a história do Movimento Olímpico no Brasil e no mundo, entre outros temas. Ainda há o espaço do Time Brasil com a presença da mascote Ginga; um cyber, onde os atletas podem fazer postagens em redes sociais; uma mesa interativa com conteúdo produzido pela Agência Mundial Antidoping (Wada); e jogos de tênis de mesa e totó. No local, também acontecem apresentações culturais e as premiações de basquete, futsal, handebol e vôlei.
Ainda no Centro de Convivência, são oferecidas clínicas esportivas de esgrima, basquete 3x3 e rúgbi, além de apresentações de skate e parkour. No Espaço Coca-Cola, vai ser possível ver de perto as tochas olímpicas dos Jogos Barcelona 1992, Atlanta 1996, Atenas 2004, Pequim 2008, Londres 2012 e Rio 2016. No Espaço Rede Globo/RPC, com o "click campeão", os participantes dos Jogos Escolares podem registrar um momento especial no pódio da competição.
Equipes catarinenses
São seguintes as escolas catarinenses que disputam as modalidades coletivas em Londrina:
Futsal masculino - EEB Sen. Francisco Benjamim (Tubarão)
Futsal feminino: EEB Leopoldo José Guerreiro (Bombinhas)
Handebol masculino - EEB Presidente João Goulart (Balneário Camboriú)
Handebol feminino: EEB Valesca Parizotto (Chapecó)
Basquete masculino: Colégio Evangélico Jaraguá (Jaraguá do Sul)
Voleibol feminino: Etevi (Blumenau)
Os Jogos Escolares da Juventude são organizados e realizados pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB). A delegação de Santa Catarina é gerenciada pelo Governo do Estado por meio da Fesporte.

Nenhum comentário:

Postar um comentário