domingo, 28 de junho de 2015

Fatma vai receber o reforço de 28 novos servidores

A Fundação do Meio Ambiente (Fatma) vai receber o reforço de 28 novos profissionais. Os servidores, que foram aprovados no último concurso realizado em 2012, vão contribuir para agilizar as análises dos 7,5 mil processos de licenciamento que estão represados no órgão. A nomeação do grupo será feita em ato simbólico, na quarta-feira, 24, durante o lançamento do programa catarinense de energias limpas, o SC+Energia.

Entre os novos profissionais estão biólogo, engenheiros civil, sanitarista, químico, ambiental, agrônomo e florestal, além de geólogos e administrativos. Os servidores vão atuar na Capital e nas Coordenadorias de Desenvolvimento Ambiental (Codams) de Criciúma, Itajaí, Blumenau, Lages e Tubarão. “A nomeação desses profissionais faz parte das determinações do governador Raimundo Colombo em dar mais dinamismo ao órgão e uma resposta mais ágil à sociedade”, afirma o presidente do órgão, Alexandre Waltrick.
O programa
O SC+Energia é um pacote de incentivos para projetos de energia limpa e renovável como pequenas centrais hidrelétricas (PCHs), Centrais Geradoras Hidrelétricas (CGHs), Eólicas, Solar e Biomassa. “Nosso objetivo é impulsionar a atividade econômica do setor, gerando riqueza, mais emprego e mais renda, buscando o desenvolvimento de Santa Catarina”, explica o governador Raimundo Colombo.
Durante o evento de lançamento, a Fundação vai entregar licenças ambientais a pelo menos nove empreendimentos, sendo que destes dois são projetos de biomassa e biogás e os outros de pequenas centrais hidrelétricas. “Uma das diretrizes do programa é a diminuição da burocracia e a liberação, com responsabilidade, dessas licenças, já é feita com base nesse novo conceito do programa SC+Energia”, comenta Waltrick.

Nenhum comentário:

Postar um comentário