terça-feira, 17 de novembro de 2015

Jogos Escolares: esporte como caminho para a cidadania

As meninas do vôlei de praia chegaram às oitavas-de-final (Foto: Arison Jardim/Secom)
As meninas do vôlei de praia chegaram às oitavas-de-final (Foto: Arison Jardim/Secom)
Com dois dias de competições e muitas conversas entre os atletas de 15 a 17 anos, os Jogos Escolares da Juventude, em Londrina (PR), mostram como o esporte tem papel fundamental na construção do cidadão. Conhecer outros lugares e culturas, e estar dentro do maior celeiro de atletas olímpicos do Brasil, contribuem para um amadurecimento dos 21 estudantes acreanos que estão na competição.
A prática esportiva apresenta aos jovens situações de relação pessoal e decisões que contribuem para o conhecimento. O professor de Educação Física e técnico das equipes de vôlei de praia do Acre, Nubio Pereira, explica o que ensina para seus alunos em Cruzeiro do Sul: “A introdução desses jovens no esporte ajuda primeiro na saúde física, depois na relação social e na disciplina na escola e em casa”.
Com dois dias de competições e muitas conversas entre os atletas de 15 a 17 anos, os Jogos Escolares da Juventude, em Londrina, mostra como o esporte tem papel fundamental na construção do cidadão.Leia mais http://bit.ly/1RX1Pah#JogosEscolares #JEJ #Juventude
Posted by Notícias do Acre on Sábado, 14 de novembro de 2015

A competição e o social

“Além do caráter educacional, cultural e social, os Jogos Escolares da Juventude servem também para a identificação e desenvolvimento de talentos para o esporte de alto rendimento. Esses atletas escolares criam uma perspectiva também de servir às seleções brasileiras, e, com isso, o desempenho melhora”, Edgar Hubner, gerente geral da Juventude e Infraestrutura do Comitê Olímpico do Brasil (COB), mostra os dois lados que inspiram o evento.
De responsabilidade do COB, os Jogos Escolares da Juventude são a principal base para desenvolvimento e descobrimento de atletas brasileiros, movimentando escolas e estudantes, entre 12 e 17 anos de idade, de todo o país.

Nenhum comentário:

Postar um comentário