terça-feira, 7 de julho de 2015

PF prende policial procurado pela Interpol em Porto Alegre


Porto Alegre/RS - A Polícia Federal prendeu na tarde dessa segunda-feira, 6, um policial procurado pela INTERPOL e pelo governo argentino por crimes praticados na época da ditadura daquele país.
O estrangeiro é acusado de crimes de sequestro, cárcere privado, tortura, ameaça, genocídio, integrar grupo terrorista, roubo qualificado, entre outros, todos delitos praticados entre os anos de 1976 a 1997. O outro policial procurado pelos mesmos crimes também foi identificado pela PF, mas faleceu em 17 de junho deste ano.
Os dois eram procurados no Brasil há mais de dez anos e foram localizados no interior de Viamão, onde moravam. O policial preso foi recolhido à carceragem da Polícia Federal e posteriormente será encaminhado ao sistema penitenciário. O corpo do policial morto está no Departamento Médico Legal (DML) em Porto Alegre.
A prisão ocorreu em virtude de mandado de prisão para extradição expedido pelo Supremo Tribunal Federal, por requerimento do governo argentino. Havia uma recompensa de mais de U$ 60 mil por informações de cada um dos procurados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário